Banco de Cabo Verde
Bandeira de Cabo Verde

Conferência “A importância da educação financeira para as relações de consumo em Cabo Verde”

No âmbito do Dia Mundial do Consumidor (1), o Gabinete de Supervisão Comportamental do Banco de Cabo Verde realiza uma conferência intitulada, “A Importância da educação financeira para as relações de consumo em Cabo Verde”, no dia 15 de março, às 8:30, na sala de conferências do Hotel Trópico.

A conferência visa sensibilizar o público para a importância da educação financeira, nas relações de consumo entre os consumidores e as instituições financeiras, demonstrando que a mesma proporciona conhecimentos e aptidões que habilitam os consumidores a tomarem decisões financeiras de forma racional, o que promove, por consequência, o bem-estar económico e financeiro e viabiliza a construção de um sistema financeiro mais inclusivo e sólido.

 

A conferência será um espaço para analisar o estágio atual da educação financeira da população em geral, as preocupações e os desafios das entidades responsáveis pela sua promoção e proteção dos consumidores, devendo contar também com a partilha de experiências de outros bancos centrais em matéria de educação e cidadania financeira, permitindo assim a recolha de contribuições a serem consideradas na estratégia de educação financeira do BCV e nas iniciativas de educação financeira a serem desenvolvidas em Cabo Verde.

 

A abertura da conferência será presidida pelo Administrador do Banco de Cabo Verde, Carlos Rocha, a que se seguirão a apresentação dos temas: “O papel da ADECO na proteção dos consumidores” – Eva Caldeira Marques, Representante da Associação para a Defesa do Consumidor; “A importância da formação financeira para a supervisão comportamental” – Maria Lúcia Leitão – Diretora do Departamento de Supervisão Comportamental do Banco de Portugal; “Educação financeira e desenvolvimento: Quais os incentivos necessários?” – António José Medina dos Santos Baptista – Presidente da Associação de promoção da Educação Financeira (PROFIN); “Da Educação Financeira à Cidadania Financeira: Lições Aprendidas” – Luís Gustavo Mansur Siqueira – Chefe do Departamento de Promoção da Cidadania Financeira do Banco Central do Brasil.

 

O encerramento será presidido pela Administradora do Banco de Cabo Verde, Antónia Lopes.

__________________________________


(1) O Dia Mundial do Consumidor, celebrado anualmente a 15 de março, é uma data comemorada a favor da proteção dos direitos dos consumidores, em homenagem ao então Presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy, que num discurso proferido ao Congresso, em 15 de março de 1962, reconheceu a importância da proteção dos direitos dos consumidores.

 

PROGRAMA

 

Conferência: “A importância da educação financeira para as relações de consumo em Cabo Verde”

Sexta-feira, dia 15 de março de 2019

(Local: Sala de Conferências do Hotel Trópico)


• 08h30: Receção dos participantes

• 9h00: Abertura da Conferência Administrador do Banco de Cabo Verde, Doutor Carlos Rocha

• 9h30: Tema 1: “O papel da ADECO na proteção dos consumidores” – Dra. Eva Caldeira Marques. Representante da Associação para a Defesa do Consumidor

• 10:00: Tema 2: “A importância da formação financeira para a supervisão comportamental” – Dra. Maria Lúcia Leitão. Diretora do Departamento de Supervisão Comportamental do Banco de Portugal

• 10:30- Coffee-break

• 11h00: Debate

• 14h00: Tema 3: “Educação financeira e desenvolvimento: Quais os incentivos necessários?” – Doutor António José Medina dos Santos Baptista. Presidente da Associação de promoção da Educação Financeira (PROFIN)

• 14h30: Tema 4: “Da Educação Financeira à Cidadania Financeira: Lições Aprendidas” – Dr. Luis Gustavo Mansur Siqueira. Chefe do Departamento de Promoção da Cidadania Financeira do Banco Central do Brasil

• 15h00: Debate

• 15:30: Intervalo /café

• 16:00: Considerações finais e encerramento da Conferência pela Administradora Dra Antónia Lopes.